Português English
Contato

Graduação | Ciência da Computação

selo-cicHistórico

O Curso de Bacharelado em Ciências de Computação foi criado oficialmente em 1983, através da Resolução No. 4/82 da I. Câmara do COCEP, obtendo reconhecimento em 1988, etravés de Portaria Ministerial No. 375. É um dos cursos de mais alta demanda nos concursos vestibulares da UFRGS, selecionando estudantes com excelente potencial. Anualmente são oferecidas 100 novas vagas.

Apresentação do Curso
O curso de Ciência da Computação objetiva formar profissionais qualificados para planejar, projetar, desenvolver, implantar e gerenciar sistemas de computação, abrangendo desde soluções simples com computadores pessoais até redes corporativas complexas. O curso foi criado em 1983 e reestruturado para a sua forma atual em 1995, para refletir melhor as constantes mudanças que ocorrem na área de computação e informática. Sendo um curso da área de ciências exatas, é exigida uma boa base matemática e também um raciocínio lógico bem desenvolvido. O curso fornece ao aluno uma sólida base de computação, capacitando-o a atuar em qualquer área onde recursos computacionais são utilizados.

Campo de atuação
Embora não receba aprendizado específico para tal, o aluno formado pelo curso está qualificado a tratar qualquer tarefa computacional em qualquer ramo do conhecimento onde a informática é utilizada. Isso se deve ao fato do curso fornecer uma excelente base de ciência de computação e desenvolver no aluno uma grande capacidade de aprendizado e adaptação a novas situações. Das áreas clássicas da informática, são enfocadas especialmente programação, arquitetura e organização de computadores, paradigmas de linguagens, computação gráfica, processamento de imagens, banco de dados, inteligência artificial, redes de computadores, processamento paralelo e distribuído, tolerância à falhas, engenharia de software, compiladores, teoria da computação, lógica, linguagens formais e semântica formal, entre outras. O mercado atual é muito amplo e em alta demanda de bons profissionais. Ele engloba indústrias de computadores, empresas de softwares, setores de processamento de dados de instituições públicas e privadas, centros de pesquisas e de pós-graduação, bem como outras áreas da atividade humana, através da aplicação de recursos de informática que viabilizem o aumento da produtividade e da qualidade de produtos e serviços.

Desafios profissionais
Levar a informática a novos campos de atuação é um dos maiores desafios atuais. Bioinformática, robótica, bancos de dados geográficos, representação do conhecimento, mineração de dados e televisão digital são alguns dos exemplos mais recentes. Para tal, o profissional deve possuir capacidade e talento para colocar a informática a serviço de outras áreas. Fornecer um serviço computacional confiável, seguro, de alto desempenho e alta disponibilidade também é outro desafio que aparece no dia a dia de um profissional da computação.

Mitos e verdades
Computação não é somente aprender uma linguagem de programação ou saber usar programas aplicativos em um computador. Ela envolve muito mais saber como um computador opera, o que ele pode fazer, como a ciência da computação se desenvolve e como a informática pode ser utilizada para melhorar a vida de pessoas, empresas e da sociedade em geral. Computação também não é somente processar informações e realizar cálculos científicos. Ela envolve uma grande dose de arte e criatividade, para permitir criar novas situações e ambientes onde a informática possa ser aplicada. A revolução criada pelo surgimento e pelo contínuo desenvolvimento da Internet é um bom exemplo disso.

Página da Ciência da Computação